Texto  
 
 
 
PEDRO COUCEIRO COMEMORA 20 ANOS DE CARREIRA  
2003-02-13  
Pedro Couceiro está de parabéns. Um dos mais conceituados pilotos portugueses da actualidade cumpre este mês 20 anos de uma carreira, que iniciou com apenas 12 anos de idade e que sempre encarou de uma forma extremamente profissional.

"Sei que vai ser difícil estar no activo daqui a 20 anos, mas por certo ainda tenho muito a dar ao Desporto Motorizado", referiu o piloto português, sublinhando: "20 anos é muito tempo, mas a esta velocidade passou muito a correr!!!"

Nos últimos anos, através da Couceiro Junior Team, o piloto português também faz questão de transmitir os seus conhecimentos para os mais novos : "Temos posto em prática muitos dos nossos conhecimentos e porventura temos dado a muitos jovens oportunidades impares de alcançar o sucesso...".

Depois de ver as corridas do seu irmão Nuno , Pedro Couceiro foi desenvolvendo um gosto especial pela actividade e em Fevereiro de 1983, no Autódromo do Estoril, participou na sua primeira corrida de karts, Categoria Primavera, conquistando o segundo lugar.

Esta estreia auspiciosa deixou antever a possibilidade de chegar ao lugar mais alto do pódio num curto espaço de tempo, o que veio a confirmar-se com o triunfo em Cantanhede, nesse mesmo ano. No final do campeonato, o balanço foi bastante positivo com o segundo posto atrás de Diogo Castro Santos e à frente de Manuel Gião.

Passando pelas mais diversas categorias do karting, Couceiro acabou por ascender com naturalidade à competição automóvel, estreando-se na Fórmula Ford em 1989. Apesar do excelente início de temporada, com um segundo posto da prova inaugural, este ano ficaria marcado pelo seu primeiro grande acidente, em que sofreu um traumatismo craniano e fracturou uma clavícula.

Mas, como se costuma dizer, depois da tempestade vem bonança e em 1990 Pedro Couceiro conquistou o título de campeão nacional de Fórmula Ford, troféu que o motivou, no ano seguinte, a optar pela internacionalização, participando no europeu de Fórmula Opel.

Em 1992, Pedro Couceiro volta a viver grandes momentos e consegue a primeira vitória da categoria, no circuito alemão de Hockenheim, terminando o ano com um excelente segundo lugar na Taça das Nações de Fórmula Opel, realizada no Estoril, em equipa com Manuel Gião.

Na Fórmula 3, o piloto português viveu alguns dos melhores momentos da sua carreira, que no primeiro ano ficaram bem vincados por sete subidas ao pódio, cinco segundos lugares e dois terceiros, e na segunda temporada lhe valeram o quinto posto final.

A enriquecedora experiência na Fórmula 3 serviu para Pedro Couceiro decidir aventurar-se na Fórmula 3000, a antecâmara da Fórmula 1. Pontuou na prova de estreia na categoria e em 1997 assinou, provavelmente, um dos melhores resultados da sua carreira, ao subir ao segundo lugar na corrida de Silverstone, Inglaterra.

A ascensão à Fórmula 1 foi então o objectivo a cumprir, mas as negociações com a escuderia italiana da Minardi acabaram por falhar levando o piloto português a optar por passar para os GT - Grand Turism, via Porsche Supercup.

Em 1999, o piloto português esteve em grande evidência ao assinar a pole position e um excelente segundo lugar na Austrália e chegar mesmo a liderar o campeonato.

Envolvido nas 24 Horas de Daytona, na Porsche Supercup e nos GT espanhóis, estes com Miguel Pais do Amaral, Couceiro teve em 2001 um ano bastante atarefado, mas foi premiado pela vitória no Estoril (GT Espanha) para além de 2 Pole Positions e outros bons resultados na competição monomarca da Porsche.

O ano de 2002 acabou por servir como uma espécie de transição para o que pretende fazer esta temporada. Dedicando-se exclusivamente ao campeonato espanhol, Couceiro estreou-se a meio da época na categoria GTA, na qual deseja alinhar este ano.

"Tenho planos de voltar a competir na Porsche Supercup, o mais competitivo trofeu monomarca do mundo, mas por agora os meus objectivos são os de lutar pelo titulo de GT em parceria com o Miguel...", reconheceu Pedro Couceiro.

Para mais informações consulte www.pnc.pt.



 
 
   
 
 
     
 
 
 
 
 
Copyright PNC 2007-2016 Design: SNorD   Implementação: B-Way   Programação: AltoDébito