Texto  
 
 
 
Gião e Couceiro preparados para a segunda ronda do ‘Europeu’ de GT  
2008-05-11  
Depois a estreia auspiciosa de Manuel Gião e Pedro Couceiro no ‘Europeu’ de GT em Vallelunga onde registaram a primeira subida ao pódio da temporada, estão agora de regresso a mais uma jornada, desta feita no Circuto Espanhol de Valência, uma pista bastante técnica mas que conhecem bem e onde vão querer marcar mais uma vez presença entre os melhores do Campeonato.

O Internacional GT Open, vulgarmente chamado de ‘Europeu’ de GT, reúne um vasto leque de conceituados pilotos, onde podemos encontrar, tal como vai acontecer este fim-de-semana, ex-pilotos de F1, como Alex Caffi. A competitividade e as máquinas que fazem parte deste Campeonato levam a luta aos limites, tendo somente os melhores, lugar de destaque.

Gião e Couceiro entraram na temporada com o pé direito, subindo logo na primeira corrida do ano ao pódio, num Circuito (Valleunga – Itália) com o qual não estavam muito familiarizados, especialmente Pedro Couceiro, e onde o conhecimento do Ferrari F430 da equipa italiana Playteam também não era exaustivo. Tal foi a determinação e ambição de trazer para Portugal um bom resultado, que tudo fizeram para o conquistar. E a realidade é que o conseguiram!

Assim, e uma vez que partem agora para a segunda jornada, composta por duas corridas, os objectivos passam uma vez mais por estar entre os primeiros e por registar novamente lugares no pódio: “A regularidade pode ser um factor decisivo neste Campeonato. Nesta prova vamos ter 40 pilotos inscritos, com máquinas potentíssimas e capazes de ganhar provas. São muitos os candidatos à vitória, e nós também não descuramos essa hipótese, pese embora achemos, que um lugar nos três primeiros seria óptimo”, disse.

Pedro Couceiro considera que este fim-de-semana é o regressar a casa, isto porque Valência, à semelhança do Estoril, é um Circuito que conhecem bem: “Estamos muito confiantes, não só porque o resultado da primeira jornada nos obriga a isso, mas também porque conhecemos bem a pista, muito embora este aspecto seja idêntico para todos. Depois, há ainda a vantagem de não termos nenhum ‘handicap’. Vamos estar na corrida sem nenhuma penalização o que pode ajudar bastante para o resultado final. A nossa meta é conseguir somar o maior número de pontos para o Campeonato e estarmos sempre na luta pelo primeiro lugar”, disse.

Depois de se terem sagrado o ano passado Campeões Ibéricos de GT e Vice-Campeões de Espanha, Manuel Gião e Pedro Couceiro querem superiorizar-se entre os melhores da Europa e colocar o nome de Portugal, mais uma vez, no panorama internacional do automobilismo.

As corridas do Europeu têm cobertura em directo no Eurosport, mas também são igualmente transmitidas pela Sporttv.
 
 
   
 
 
     
 
 
 
 
 
Copyright PNC 2007-2016 Design: SNorD   Implementação: B-Way   Programação: AltoDébito