Texto  
 
 
 
Pontos para Filipe Albuquerque em Zandvoort  
2013-09-29  
Filipe Albuquerque disputou hoje a penúltima jornada do DTM em Zandvoort e teve, certamente, o melhor início de corrida de sempre, com várias lutas e ultrapassagens. Chegou mesmo a liderar a prova na altura dos 'pit-stops' mas cruzou a linha de meta no oitavo posto fruto de uma estratégia que dificultou a sua tarefa.

O oitavo lugar e os pontos que daí advêm foram de extrema importância para o piloto português: "O arranque correu bastante bem. Iniciei a corrida com os pneus mais macios e tentei de tudo para subir o maior número de posições possível. Mas a determinada altura estava bloqueado atrás de outros pilotos que não me permitiram extrair todo o potencial das borrachas. Tudo o resto correu bem. Mas este detalhe fez a diferença entre terminar nos cinco primeiros ou em oitavo", começou por explicar.

Ciente que fez tudo o que estava ao seu alcance Filipe sai de Zandvoort com o sentimento de dever cumprido: "Foi duro, mas fizemos as nossas opções. E fiquei satisfeito por ter protagonizado excelentes momentos em pista. Dei tudo o que podia na corrida. Era muito importante para nós voltar a pontuar e fico satisfeito por isso", rematou Albuquerque que somou mais 4 pontos aos 12 da jornada anterior.

A última prova da temporada decorre em Hockenheim no fim-de-semana de 19 e 20 de Outubro.
 
 
   
 
 
     
 
 
 
 
 
Copyright PNC 2007-2016 Design: SNorD   Implementação: B-Way   Programação: AltoDébito